Home Matéria de Capa Correios volta atrás e mantêm a agência da rua Greenfeld aberta

Correios volta atrás e mantêm a agência da rua Greenfeld aberta

0
0

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos recuou e não vai desativar a agência da rua Greenfeld, 25. A decisão parecia definitiva, mas a interferência do sindicato da categoria fez com que houvesse uma troca: a principal agência do Ipiranga vai continuar em funcionamento, enquanto outra unidade terá as portas cerradas: a AC Nossa Senhora da Saúde, situada na rua do Boqueirão, 320.
O encerramento das atividades na agência da rua Greenfeld estava marcado para 5 de julho, mas, para surpresa até dos funcionários, isso não ocorreu. Essa era uma das 17 agências de São Paulo destinadas ao fechamento, por questões financeiras. A desativação das 17 unidades era apenas o primeiro estágio do projeto de “readequação da rede de atendimento e da força de trabalho”, segundo a empresa, pois a meta revelada é 161 postos em todo o país.
A assessoria de imprensa da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos respondeu em nota às perguntas enviadas pela reportagem do Ipiranga News. Destacou que, “dando sequência ao processo de readequação da rede de atendimento iniciado em 2018, os Correios migrarão para outras unidades as atividades de 161 agências”. Acrescenta que, na região de São Paulo Metropolitana, são 15 agências na Capital, uma em Guarulhos e uma em Santos”. A nota confirma que a agência da rua Greenfeld não mais será fechada como estava previsto anteriormente”. Diz ainda que, em substituição ocorrerá o fechamento da AC Nossa Senhora da Saúde, localizada na rua do Boqueirão, 320”.
O comunicado informa que o atendimento será absorvido por agências próximas, sem prejuízo da continuidade e da oferta de serviços e produtos. “Os Correios são a única empresa pública presente em mais de 5.500 municípios brasileiros”, observa a assessoria. “A iniciativa visa, dentre outros objetivos, assegurar maior produtividade e garantir unidades rentáveis, sem comprometer, no entanto,a universalização dos serviços postais”. Os empregados dessas agências serão transferidos para outras agências ou poderão optar pelo reenquadramento de atividade.
“Eu fico feliz que a agência da Greenfeld não será fechada pois eu teria um trabalho danado para enviar correspondências à família”, agradeceu o auxiliar de manutenção Pedro Ivo Sanches Ribeiro, cujos parentes residem na Zona da Mata mineira. “Eu vim de Metrô até a estação Sacomã e pude constatar que a agência continua aberta”, vibrou. Outros moradores no bairro também se surpreenderam com a não desativação da unidade da rua Greenfeld.
Os Correios têm hoje 11 mil agências, de norte a sul do país. A meta da estatal é contar com 15 mil pontos de atendimento até 2021. Para chegar lá com as contas equilibradas, o plano da empresa prevê o fechamento de quatro mil agências convencionais e a abertura de sete mil novos formatos de atendimento.
Para que uma agência seja considerada eficiente, segundo a empresa, ela precisa realizar cerca de 270 atendimentos por dia. A estatal não informou qual é o movimento da Greenfeld, mas é certo que a agência tem o carinho dos moradores no entorno. “Essa agência presta há 42 anos relevantes serviços ao bairro e tem de continuar entre nós”, defendeu o zelador de prédio José Marcos de Freitas, que mora na rua Lino Coutinho..

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregaer Mais em Matéria de Capa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *